CETESB | Em defesa dos trabalhadores do Meio Ambiente

Publicado em 13/11/2020

Tamanho da fonte:

Nesta semana o Sintaema tomou conhecimento de matéria veiculada na grande imprensa de que os técnicos da CETESB emitiram licenças sem a realização das devidas vistorias.

O Sintaema buscou essas informações e verificou que com o intuito de proteger a saúde dos trabalhadores da CETESB e da população em geral, realmente foram emitidas licenças sem vistorias, porém em todos os despachos foi informado que isso estava ocorrendo em virtude da pandemia, e que no prazo máximo de 120 dias a devida vistoria seria feita, o que de fato vem acontecendo.

Outra informação equivocada contida na matéria seria a de que a CETESB está multando e advertindo menos no ano de 2020, essa métrica não é sinônimo de que o licenciamento está sendo eficaz, muito pelo contrário, quando se aplica muitas multas e advertências significa que as empresas não estão funcionando de maneira adequada e consequentemente o Meio Ambiente é afetado.

Medir o trabalho da CETESB pelo número de multas e advertências emitidas é de uma simplicidade ambiental chocante, existem inúmeros outros parâmetros que devem ser considerados para garantir a efetividade do trabalho da CETESB.

Por fim, o Sintaema lamenta que os técnicos da CETESB, que sempre desenvolveram seus trabalhos com seriedade e pautados pela defesa incondicional da Saúde e Meio Ambiente, estejam sendo usados muito provavelmente para promoções políticas nas vésperas das eleições municipais.

Compartilhe agora com seus amigos
TwitterFacebookWhatsApp

Voltar ao Topo