Sabesp demite funcionária por baixa produtividade

Publicado em 23/07/2007 00:00

Tamanho da fonte:

Com problemas de saúde agravados no último período, a companheira Dulcinéia Ramos, do Departamento de Controle de Qualidade dos Produtos Água e Esgoto (TOQ) Norte, foi demitida por conta de afastamentos e incidência e incidência de atestados médicos. Segundo a Sabesp, a funcionária estava apresentando baixa produtividade e perfil incompatível para a Unidade. A companheira procurou o Sintaema e narrou todo o processo e sua condição de saúde, e o sindicato prontamente buscou junto ao Departamento a reversão da demissão, processo que não prosperou. Em resposta a intransigência da empresa, os trabalhadores promoveram um ato de protesto reivindicando a reintegração da companheira. Diante do movimento, a empresa assumiu o compromisso de que se até a data da homologação a funcionária conseguisse ser reaproveitada, a demissão seria suspensa. A companheira passou então a deslocar-se para as unidades em que sabia ter falta de profissionais em sua área, mas, por “coincidência”, todas as áreas visitadas alegaram estar com o quadro completo. Esta é a Sabesp!

Compartilhe agora com seus amigos
TwitterFacebookWhatsApp

Voltar ao Topo