Fiscalização: realizada mesa redonda

Publicado em 21/08/2006 00:00

Tamanho da fonte:

Foi realizada no dia 7 de agosto uma mesa redonda na Delegacia Regional do Trabalho-DRT/SP entre o Sintaema e a direção da Fundação Florestal, ocasião em que a empresa apresentou um cronograma de ações de curto e médio prazo visando resolver as diversas situações de insegurança apontadas quando da fiscalização feita nos dias 4 e 5 de julho no Parque Intervales. Confira: • Readequação de toda rede elétrica com especial atenção para o sistema de aterramento (outubro/06); • Cursos de operador de motoserra e de eletricista de alta tensão (setembro/06); • Substituição do carbureto de cálcio-capacetes com lanternas a bateria serão adquiridos através de adiantamento (setembro/06); • EPI’s: equipamentos mais básicos (botinas e capas de chuvas, entre outros) devem chegar até setembro, e os demais, que carecem de cadastro no Siafisco serão adquiridos através de adiantamento (luva anti-vibração, maca para uso em cavernas e trilhas). Para correção de problemas mais corriqueiros, porém não menos importantes, como fiação elétrica exposta, por exemplo, a Fundação, através da arquiteta Bia Bolzani, elaborou relatório a partir de um levantamento indicando as providências necessárias. O Sintaema está atento ao cumprimento de todas as ações corretivas e exigirá a pontualidade nos prazos acordados. Avanços Nos dias 9 e 10 de agosto o Sintaema esteve em reunião com a diretoria do Parque Intervales, o RH da empresa e os trabalhadores, onde conquistamos decisivos avanços na definição das escalas de trabalho, na determinação dos adicionais (devidos por Lei) e na determinação das encarregaturas. Em breve realizaremos uma reunião para todos os esclarecimentos pertinentes. O Sintaema e a DRT/SP acreditam que criou-se a oportunidade ideal para que a Fundação Florestal repare as injustiças praticadas ao longo do tempo, e continuaremos empenhados para que todas as ações sejam efetivamente concretizadas.

Compartilhe agora com seus amigos
TwitterFacebookWhatsApp

Voltar ao Topo