Centrais se unem em prol dos aposentados

Publicado em 21/12/2009 00:00

Tamanho da fonte:

No dia 23 de novembro a CTB e demais centrais se reuniram e firmaram proposta única em defesa dos aposentados. O consenso prevê o fim do fator previdenciário e reajuste de 7,72% (inflação prevista para este ano+80% do crescimento do PIB de 2008). A proposta será levada ao governo federal. Veja em seguida a opinião do presidente da CTB, Wagner Gomes, sobre o encontro: “O resultado não poderia ser melhor. As centrais chegaram a um consenso em torno de três reivindicações: uma política permanente de recuperação do salário mínimo, baseada no reajuste pela inflação (INPC) mais um aumento real equivalente ao crescimento do PIB de dois anos anteriores, que deve vigorar até 2023; uma política permanente de recuperação do valor das aposentadorias, com base no INPC mais 80% do PIB; fim do fator previdenciário. Deste modo, as centrais unificaram suas posições em relação à Previdência, pondo fim às polêmicas e divergências verificadas em torno do acordo proposto pelo governo, que reciclava o fator previdenciário, instituindo o chamado fator 85-95, e reduzia a 50% do crescimento do PIB o aumento real que será atribuído às aposentadorias e pensões com valor superior ao do salário mínimo. Outra decisão relevante das centrais foi a de realizar marchas e manifestações conjuntas na semana do 1º de Maio nos locais em que o Dia Internacional do Trabalhador não for comemorado de forma unitária”.

Compartilhe agora com seus amigos
TwitterFacebookWhatsApp

Voltar ao Topo