Privatização do saneamento: projeto pode ser votado semana que vem

Publicado em 28/11/2019

Tamanho da fonte:

O plenário da Câmara Federal em Brasília aprovou ontem (27) a urgência da votação do PL 3261/19 que abre as portas do saneamento à iniciativa privada.

Com a aprovação da urgência, o projeto passa a ter prioridade no plenário, o que significa que pode ser votado por uma via rápida, já na semana que vem, e ir direto para o Senado.

Vale lembrar que o projeto impede os novos contratos de programa feitos diretamente entre municípios e estatais sem licitação, e substituiu esse modelo por contratos de concessão, nos quais haverá concorrência com a iniciativa privada.

Se a privatização do setor de saneamento fosse boa não haveria centenas de reestatização dos serviços em dezenas de países que passaram por essa experiência.

Não há dúvida: saneamento tem interface com saúde pública, é um dever social que precisa continuar sob o poder público, empresas privadas visam o lucro.

O Sintaema e as demais entidades que defendem a universalização do saneamento se juntarão aos parlamentares de oposição para a luta em Brasília na próxima semana.

Estamos juntos nesta luta, não à privatização! Água é vida!

Compartilhe agora com seus amigos
TwitterFacebookWhatsApp

Voltar ao Topo