Grande Vitória – Mobilização dos trabalhadores e das entidades que defendem o saneamento público foi fundamental para derrubar a MP

Publicado em 28/05/2019

Tamanho da fonte:

Em reunião de líderes partidários na Câmara dos Deputados, nesta terça-feira (28/5), ficou definido que a MP 868/18, que privatiza o saneamento não será levada para votação em Plenário. Desta forma, ela irá “caducar” e perderá seu efeito no próximo dia 3 de junho.

UMA IMPORTANTE VITÓRIA!

No entanto, os pontos previstos na medida provisória devem ser incluídos em projeto de lei por conta do impasse entre os deputados que estavam divididos entre contra e a favor da MP. A intenção do presidente da Câmara, Rodrigo Maia, é que esse PL tramite em regime de urgência.

A mobilização dos urbanitários do país e das entidades que defendem o saneamento público agrupadas no ONDAS, na FENATEMA e na FNU – com o apoio dos deputados dos partidos da oposição e das Comissões DH do Senado e CDHM, CDU,CLP e CINDRA da Câmara dos deputados, foi fundamental para derrubar a MP.

O Sintaema esteve presente em todos os mais de 100 dias de luta contra essa MP, mobilizando a categoria em dois grandes atos de rua e diversas atividades com o fórum das entidades, com equipes e caravanas à Brasília, além de liderar a articulação na Câmara e na ALESP contra a privatização do setor.

Vencemos a batalha, mas a guerra continua, tendo como próxima batalha, o PL de urgência que deverá ser lançado em breve.

Juntos na luta, a unidade nos garantiu a Vitória companheiros e companheiras!

Compartilhe agora com seus amigos
TwitterFacebookWhatsApp

Voltar ao Topo