Vitória: com luta, trabalhadores avançam no acordo e encerram a greve na Sabesp

Publicado em 05/06/2013 00:00

Tamanho da fonte:

Os trabalhadores da Sabesp aprovaram por ampla maioria a proposta feita no Tribunal Regional do Trabalho e encerraram a greve iniciada ontem. A proposta foi aprovada hoje em assembleia em frente a Sabesp da Ponte Pequena, com trabalhadores vindos de todas as regiões de São Paulo.

A assembleia considerou os avanços nesta última proposta, que, embora ainda não seja a ideal, é bastante significativa, pois contemplou aumento real no salário e aumento nos benefícios, além de da dar uma luz em relação ao pleito do fim do salário regional, pleito este ainda não atendido, apesar de todos os protestos, mas a Sabesp se comprometeu a realizar estudos para equalizar os salários em 2014.

 

Resumo da proposta:

Reajuste de 8% (5,37% IPC + 2,5% de aumento real), retroativo a 1º de maio de 2013;

Reajuste de 21,52% na cesta básica, que passa de R$172,80 para R$ 210,00;

Reajuste de 13,6% no VR, que passa de R$22,00 para R$ 25,00;

Reajuste de 10% na gratificação de férias, que passa de R$ 1.245,30 para R$ 1.369,83, e alteração de 40% para 45% da diferença entre o valor fixo e o salário do empregado;

Reajuste de 15,8% no Auxílio-creche: reembolso mensal de R$ 228,83 para R$ 265,00.

Implantação da cesta de Natal, no mesmo valor da cesta básica vigente.

Constituição de comissões paritárias para acompanhamento de estudos para o Plano de Cargos e Salários, adicional insalubridade e periculosidade, otimização dos Centros de Convivência Infantil e melhorias no auxílio-creche.

Quanto ao salário regional, a Sabesp contratará até 30/07/2013 empresa especializada para estudos visando equalizar os salários, com implantação até fevereiro de 2014. Será formada uma comissão com participação do sindicato para este fim.

A assembleia contou com o apoio dos deputados Zico Prado (PT) e Major Olímpio (PDT), e companheiros da Fenatema.

Vale ressaltar que os dias parados não serão descontados.

O Sintaema parabeniza os trabalhadores da Sabesp, verdadeiros guerreiros, que mostraram garra e atitude nesta greve. “Estas conquistas só foram possíveis graças à combatividade dos trabalhadores. Vamos continuar lutando para melhorar cada vez mais nosso acordo”.

Finalizou o presidente Rene Vicente.

Juntos na luta, sempre! 

Compartilhe agora com seus amigos
TwitterFacebookWhatsApp

Voltar ao Topo