Sintaema na Frente Parlamentar em defesa da Fundação Florestal

Publicado em 20/03/2014 00:00

Tamanho da fonte:

Sintaema entra na base de apoio à Frente Parlamentar em Defesa dos Institutos Públicos de Pesquisa e das Fundações Públicas, em nome dos trabalhadores da Fundação Florestal.

No dia 13 de março o Sintaema esteve na Assembléia Legislativa do Estado de São Paulo, na audiência pública para instalação da frente Parlamentar.
Esta frente é de iniciativa do deputado estadual Carlos Neder e seu objeto de luta e defesa são os Institutos Públicos de Pesquisa e das Fundações Públicas do Estado de São Paulo.

O Sintaema se pronunciou a favor dessa frente e se colocou à disposição como apoiador da iniciativa em nome dos trabalhadores da Fundação Florestal,seus representados.
A muito o Sintaema luta contra o desmonte e o sucateamento da Fundação Florestal, cobrando a implantação de plano de carreiras,com o respectivo valor profissional devido,
contra os salários de valores aviltantes praticados por aquela instituição, por mais concursos públicos para suprir o quadro de funcionários, contra as privatizações e terceirizações.

Onde a falta de políticas claras de Estado em defesa do patrimônio público, provocam o que vemos ,o desmonte e sucateamento das instituições públicas. Um dos casos mais gritantes,é o caso do PL 249/13, Projeto de Privatização dos Parques Estaduais.

Se não bastasse esse quadro que dificulta a situação dos trabalhadores dos órgãos estaduais supra citados, tramita na ALESP o projeto das Organizações Sociais.
Projeto este que coloca entidades como a Fundação Casa como uma O.S. e também as Áreas de Conservação.

Vemos que esta iniciativa é uma forma de aprofundamento do entreguismo da esfera pública à ganancia do setor privado,que embora esteja elencado na lei complementar 846/1998, lei complementar 1095/2009 e que agora está em curso de ampliação,pois estas duas já citados para o tema tratam apenas de organizações de saúde e cultura.
Com esta ampliação proposta pelo projeto de lei complementar 62/2013, o desmonte do patrimônio público continua;

O Sintaema está na luta contra este desmonte, com seus protestos na rua, como já foram feitos no ano de 2013 e sempre que for necessário, por isso apoia essa iniciativa da Frente Parlamentar em Defesa dos Institutos Públicos de Pesquisa e das Fundações Públicas, como é o caso da Fundação Florestal que compõe a base do Sintaema. 

Juntos nesta luta!

Atenciosamente

Hilton Marioni

Clique aqui para download do pdf

Compartilhe agora com seus amigos
TwitterFacebookWhatsApp

Voltar ao Topo