Sabesprev – Superada a meta atuarial

Publicado em 30/08/2004 00:00

Tamanho da fonte:

A Sabesprev fechou o 1º semestre com uma rentabilidade de 7,01%, batendo sua meta atuarial para o período, estimada em em 6,18%. A maior parte do ganho foi obtida com aplicações em títulos públicos federais. Em junho, 74% da carteira de investimentos do Fundo estava na renda fixa, 17% em ações, 6% em imóveis e 3% em empréstimos a participantes. Outro fator que contribuiu para ampliar a carteira foi a economia de custos obtida com a criação de fundos exclusivos (cerca de R$1,5 milhão) em taxas de administração. A Sabesprev também estará instalando um serviço inédito de informações diárias aos participantes sobre a rentabilidade das aplicações correlacionada aos riscos corridos pelo gestor para obtê-las, ou seja, um sistema de informação inovador e mais transparente. Vale destacar que todo este resultado é fruto do trabalho desenvolvido pelo Comitê de Investimentos, que conta com a efetiva participação dos Conselheiros eleitos. Empréstimos Está sendo criada pela Sabesprev uma outra modalidade de empréstimo: pré-fixado. A atual, pós-fixada, continuará existindo, mas com juros mais baixos. Esta é uma antiga reivindicação do Sintaema e conselheiros eleitos, viabilizada agora pela diretoria da Fundação. Em breve a Sabesprev informará melhor sobre o assunto. Sobre a posse dos conselheiros Inexplicavelmente, até o momento os conselheiros eleitos no mês de maio ainda não tomaram posse. Tal atitude reflete arbitrariedade por parte da patrocinadora, nos remetendo a época da ditadura militar. Já enviamos ofício ao presidente do Conselho Deliberativo e também estamos fazendo gestões nos entes reguladores que cuidam dos Fundos de Pensão, para que tomem providências e exijam da Sabesp o cumprimento da legislação vigente.

Compartilhe agora com seus amigos
TwitterFacebookWhatsApp

Voltar ao Topo