Guaranis e Quilombolas juntos em defesa de suas terras

Publicado em 01/12/2005 00:00

Tamanho da fonte:

No município de Registro (SP), as comunidades saíram às ruas em novembro em protesto contra a construção da barragem no Vale do Ribeira e pela titulação de suas terras. O Vale é uma das regiões mais preservadas de Mata Atlântica, e a união dos índios Guaranis e os Quilombolas no dia 19 de novembro em passeata pelas principais avenidas da cidade mostra que a luta pela terra e pela preservação ambiental é uma batalha de todos, uma causa nobre a qual o Sintaema registra aqui em solidariedade a estes companheiros. A construção da barragem de Tijuco Alto no Rio Ribeira de Iguape vai dizimar as culturas quilombola e guarani na região e só serve ao interesse do grande capital, representado pela fobia da Companhia Brasileira de Alumínio – CBA, através de seu maior proprietário Antonio Ermírio de Morais. O desastre pode ser evitado se o poder público cumprir com sua responsabilidade, substanciado pela constituição, banindo de uma vez por todas esse projeto megalomaníaco que põe em risco a biodiversidade cultural e ambiental da Mata Atlântica. O Sintaema registra aqui sua solidariedade a nobre causa destes companheiros.

Compartilhe agora com seus amigos
TwitterFacebookWhatsApp

Voltar ao Topo