A Sabesp tem a cara de pau de oferecer o IPC, enquanto reajusta as contas pelo IPCA

Publicado em 23/05/2013 00:00

Tamanho da fonte:

 O Sintaema reivindicou uma reposição salarial pelo ICV do DIEESE mais as perdas do período (últimos 10 anos).

Na reunião de 14 de maio a Sabesp ofereceu um reajuste salarial de 5,37%, com base no IPC-Fipe.

Vamos aos fatos:

a) A Sabesp passou a utilizar o indexador do IPCA, e não o IPC, para reajuste de seus preços.
b) A Sabesp paga, em algumas dívidas que emite, o IPCA mais juros. Se paga a terceiros o IPCA, por que não pagá-lo também para seus funcionários?
c) Nos últimos anos, o IPC vem perdendo consistentemente para o IPCA. Apenas nos últimos doze meses, temos uma diferença de 1,1213% nominal.

d) O IPCA é o indicador oficial de inflação no país, utilizado pelo governo como referencial no regime de Metas de Inflação. Isso significa que todos os agentes econômicos tomam esse índice como referência para reposição de preços, e não o IPC da Fipe. (Fonte: IBGE)

Portanto, é muita cara de pau da empresa!



Compartilhe agora com seus amigos
TwitterFacebookWhatsApp

Voltar ao Topo