Sabesp: Tem dinheiro para reforma, mas para pagar hora extra…

Publicado em 01/11/2017

Tamanho da fonte:

É muito contraditório o discurso da Sabesp do Litoral Norte em relação à falta de dinheiro. A empresa não paga horas-extras do plantão de final de semana, mas tem dinheiro para fazer reformas na superintendência.

Desde 2015 ela não vem pagando corretamente as horas-extras dos plantões dos finais de semana, alegando falta de dinheiro devido à crise hídrica e posteriormente alegando o processo do MPT contra a empresa no que se refere às horas extras dos trabalhadores que fazem serviço insalubre.

O Sintaema vem questionando o pagamento dessas horas, além disso, a falta de mão de obra no Litoral Norte é muito grande e os trabalhadores estão fazendo entre dois a três plantões por mês, enquanto o correto é fazer um plantão mensal.


Esses plantões são para executar serviços emergenciais, mas devido a falta de mão de obra da Sabesp os trabalhadores estão executando serviços acumulados da semana, e para piorar, em vez de serem pagas as horas extras, os trabalhadores estão folgando durante a semana vindo a acumular serviços.

Em reunião com o Ministério Público do Trabalho, o Sintaema conseguiu a suspensão do processo, portanto a Sabesp não tem mais nenhum motivo para não pagar as horas extras, já que dinheiro ela tem, tendo em vista reformas que estão sendo feitas na superintendência do Litoral Norte, além do lucro que ela teve de bilhões.

O Sintaema não e favorável ao excesso de horas extras, porém, se o trabalhador fez hora extra, tem que receber, afinal, se está havendo excesso de horas-extras é por falta de mão de obra, por isso o sindicato reivindica concurso publico já!
Juntos na luta!

Compartilhe agora com seus amigos
TwitterFacebookWhatsApp

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar ao Topo