O Sintaema lamenta a morte de Sebastião Cardozo, vice-presidente da CUT

Publicado em 03/04/2017

Tamanho da fonte:

Confira abaixo a nota oficial da CUT:

CUT-SP lamenta a morte de seu vice-presidente Sebastião Cardozo

A Central Única dos Trabalhadores de São Paulo lamenta profundamente a morte de seu vice-presidente, Sebastião Geraldo Cardozo, nosso querido Tião, na sexta-feira, 31, vítima de infarto aos 58 anos, em São José do Rio Preto.

É uma triste notícia para a classe trabalhadora e o movimento sindical deste país. Seu legado e seu sorriso jamais serão esquecidos. Corintiano de Araraquara, como fazia questão de lembrar, era um lutador incansável e em todas as trincheiras esteve presente dialogando e se colocando à disposição.

Toda a sua trajetória de vida servirá de exemplo, ainda mais em tempos tão sombrios neste Brasil cheio de contradições. Tião jamais deixou de lutar. Ajudou a construir um trabalho que transformou uma geração de sindicalistas e fez história no estado de São Paulo.

Nascido em Icém, município no interior de São Paulo, atualmente residia em Araraquara. Casado, pai de três filhos, iniciou a militância no começo da década de 1980, atuando no movimento estudantil e nos bancários de Araraquara.

Desde então, ocupou a presidência do Sindicato dos Bancários de Araraquara-CUT-SP por duas vezes (1987-1990 e 1993-1996). No ano seguinte, ingressou na direção executiva da Federação dos Bancários da CUT do Estado de São Paulo (Fetec/CUT-SP) e, em 2001, se tornou presidente da entidade.

Em janeiro de 2009, assumiu a presidência da CUT-SP para conduzir o processo de transição até a realização do 12º CECUT, quando foi eleito secretário Geral da CUT/SP para a gestão 2009/2012. No 13º CECUT, foi reeleito ao mesmo cargo. No 14º CECUT foi eleito à vice-presidência da CUT-SP para a gestão 2015-2019. Em 2015, recebeu ainda o 1º Prêmio Luis Gushiken, no Dia Municipal do Bancário, na Câmara Municipal de Araraquara.

Decretamos luto neste dia, nos somamos à dor e nos solidarizamos com familiares e amigos. Informamos que o velório será realizado no Memorial Fonteri, na Avenida Portugal, 1.030, no centro de Araraquara-SP, com horário a ser confirmado. O enterro ocorrerá no domingo (2), às 10h15, no Cemitério São Bento, à Rua Humaitá, 1.717, também no centro de Araraquara.

Sebastião Cardoso, presente!

CENTRAL ÚNICA DOS TRABALHADORES DE SÃO PAULO
São Paulo, 1º de abril de 2017.

 

Compartilhe agora com seus amigos
TwitterFacebookWhatsApp

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar ao Topo